terça-feira, 29 de julho de 2008

Capítulo 80

Coldplay, always Coldplay. Lost!

Just because I'm losing
Doesn't mean I'm lost
Doesn't mean I'll stop
Doesn't mean I would cross

Just because I'm hurting
Doesn't mean I'm hurt
Doesn't mean I didn't get what I deserved
No better and no worseI just got lost!

Every river that I tried to cross
Every door I ever tried was locked
Ohhh and I'm just waiting 'til the shine wears off
You might be a big fish
In a little pond

Doesn't mean you've won'
Cause along may come
A bigger one
And you'll be lost!

Every river that you tried to cross
Every gun you ever held went off
Ohhh and I'm just waiting until the firing's stopped
Ohhh and I'm just waiting 'til the shine wears off
Ohhh and I'm just waiting 'til the shine wears off
Ohhh and I'm just waiting 'til the shine wears off

sábado, 26 de julho de 2008

Capítulo 79

Eu tento muito conviver em paz com meus vizinhos. Mas quando um infeliz resolve colocar o som no último minuto antes das 8h da manhã em pleno sábado, a única vontade que eu tenho é esmurrar a porta do dito cujo. Por que essas pessoas espaçosas, com sérios problemas de educação ( e audição!!) nunca colocam o som no último volume quando ouvem Tom Jobim? Ou Los Hermanos, Marisa Monte, Adriana Calcanhoto ou ainda Coldplay? Por que esse povo tem de estar ouvindo a rádio que só toca hip-hop-pop grudento chato e pagodes de grupos com nomes suuper originais, qualquer coisa do samba, que tem um lalalalaiá e uma batucada insuportáveis. Juro, nada tinha contra. Até que hoje. O dia que eu podia ficar na cama até a hora que eu quisesse despreocupadamente, afinal, fui dormir tarde, a lógica é acordar tarde. Não foi possível. Tentei me manter de olhos fechados acreditando inocentemente que logo o ser do apartamento de cima ia abaixar, mas não, minha cabeça doía e o mau humor já fazia-se presente. Claro que eu não esmurrei a porta do vizinho. Vontade é o que não me faltou. Canalizei toda a minha raiva na faxina. O quarto ficou um brilho só. Ah, sim, toda a limpeza teve minha trilha sonora tocando também, num volume bem alto, humf, vamos ver qual som é mais potente!

Capítulo 78

Adoro encontrar sites novos. Principalmente se eles são divertidos e me fazem rir.
Achei um americano, em que você coloca a sua data de nascimento e ele te mostra os seus cinco melhores "partidos". O site mede a relação com base no físico, emocional e intelectual. Claro que eu não resisti e testei pra ver o resultado ideal pra minha vida amorosa. E não é que esse site é ótimo?? Descobri que combino com 2 atores (lindos!!) , 2 jogadores de futebol e um príncipe!! Que mais que eu quero??? Com 99%, o primeiro da lista é Jesse Metcalfe. Ahãn? Jesse quem? Eu também fiz essa cara de ponto de interrogação quando vi esse nome. Mas logo liguei nome a pessoa (thank God) e descobri que trata-se do jardineiro bonitão de Desperate Housewives. Coisa do destino, só pode, o ator lindo do meu seriado preferido do momento? Que mais que eu quero? O quarto e mais famoso da lista (não vou comentar todos e me exibir dos ótimos relacionamentos com caras lindos que eu poderia ter, hehe) é o galante, jovem, lindo, loiro, Prince William !!! Fala sério, sabia que eu merecia vida de rainha, hahahahahha. Já me imaginei com uma história semelhante a da princesa Letizia da Espanha. Ex-jornalista, ou então Grace Kelly, hahhhahahha. Já estava sonhando com o Príncipe William compartilhando, dividindo comigo tudo que ele possui e eu oferecendo toda minha coleção de Friends e uma velha coleção da Capricho de quando eu era adolescente. Ah, se a rainha Elisabete me aceitasse por lá... rsssss

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Capítulo 77

O que será de todos esses caras que fazem stand-up-comedy ao final dessa modinha? Impossível que todos eles sejam muuuito bons pra continuar. E outra, o que os bares de São Paulo vão oferecer como super atração?? É, porque beber não pode mais. O que será que nos aguarda???

Capítulo 76

Uma das coisas mais perigosas do mundo com toda certeza é a preguiça. Num instante você está todo disposto e num piscar de olhos, você já não tem mais vontade de fazer nada. Ou até tem, mas falta uma certa disposição. Esta é a terceira semana que tenho as manhãs livres, férias. Pensei em mil coisas pra fazer, como poderia ocupar meu precioso tempo. Ao invés de acordar às 6h30 eu poderia me levantar às 8h, por exemplo. Não deu certo. Saí arrastada da cama às 10h (vergonha total!), todos os dias. Pior, cada dia que passa eu durmo mais horas por noite e tenho cada vez mais sono. Tenho sérios problemas com sono-levantar da cama. Aí, penso em tudo que eu havia planejado: correr pela manhã, o que me deixaria muito mais disposição no resto do dia. Ir trabalhar mais cedo, totalmente fora de cogitação. Me arrumar com mais calma enquanto ouço algum jornal, estar informada, afinal sou uma jornalista, também não deu certo. A culpa é toda desses canais que passam clipe 500 horas por dia. E quando não é um clipe da época que eu assistia mtv, é uma música nova que eu olho abismada e penso "não é que ainda fazem clipe?". Ok, ainda me restam seis lindos, maravilhosos dias de férias, no período matutino. Se eu voltar a correr juro que vou ficar muito satisfeita e aliviada na hora de comer tantos doces!!

terça-feira, 22 de julho de 2008

Capítulo 75

Não sei a mãe de vocês, mas a minha vê perigo em todos os lugares. Usar o caixa eletrônico no terminal de metrô por exemplo, está na escala "isso não é muito bom, minha filha, cuidado-alguém pode te assaltar." Nunca consegui seguir esta recomendação. Afinal, preciso ter um controle da minha conta bancária e o caixa eletrônico está no meio do meu caminho para o trabalho. Num belo dia da semana passada, estou eu saindo com o extrato da minha conta em mãos, super distraída (aliás, eu tenho estado cada vez mais distraída, será que é o primeiro sinal da idade avançada??) em direção a livraria, quando ouço um "ei, moça", muito perto de mim. Olho para o rapaz que está realmente muito próximo de mim e o pensamento de "ele vai me assaltar, ele vai me assaltar" não saía da minha cabeça. "Posso te fazer uma pergunta?", diz ele. Humm... um assaltante não pergunta se pode assaltar, eu sei disso, já fui assaltada uma vez. Bom, se fosse seria muito azar no dia que o salário caiu na conta. Bem, ele também não parece levar uma arma consigo. E outra, ele tem uma aliança na mão esquerda, é casado, acompanhem o raciocínio, casado, deve ser pai de família, ele não vai fazer com os outros o que não gostaria que fizessem com os entes queridos dele, não é mesmo?? Ok, esta teoria é super furada e eu tenho certeza que algum espertinho vai fazer uma lista com assaltantes casados. "Pode" respondi ainda muito desconfiada. "Qual o seu perfume?". "Ah??? meu o que ???" , "Queria o nome do seu perfume". Ainda tentando me recuperar de um quase susto, revelei (de maneira bem confusa) o nome do perfume, que eu não vou dizer aqui porque eu já havia decidido que quando eu ficar famosa não ia contar pra ninguém. Por que disso? Não sei, mas já vi várias atrizes dizendo que não revelam o perfume que usam. Tampouco eu. Só esqueci de dizer uma coisa pro rapaz, mesmo que dez pessoas usem o mesmo perfume, o cheiro não será o mesmo.

sexta-feira, 18 de julho de 2008

Capítulo 74

Por que as coisas têm de ter um fim? Por que? Por que? Quem inventou isso, hein?? Humf, essa brincadeira não tem a menor graça para uma pessoa como eu que não sabe dizer adeus. Acabei de descobrir que o meu seriado favorito (atual) já está com os seus dias contados. Ou melhor, suas temporadas. Pra ser mais exata, três. É isso aí, é o que nos resta: mais três temporadas de Desperate Housewives!!!! É muito pouco!!!! Ahh, seriado não devia acabar nunca, tinha que ser eterno, hahaah. Vida longa as temporadas!!http://tv.globo.com/ENT/Tv/Seriados/DesperateHousewives/0,,AA1685389-6326,00-CRIADOR+DE+DESPERATE+HOUSEWIVES+CONFIRMA+QUE+SERIE+TERA+APENAS+MAIS+TRES+TE.html

Capítulo 73

Depressão pós-aniversário...Ainda bem que sobraram uns brigadeiros..

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Capítulo 72

Parabéns pra mim. Parabéns pra você. Parabéns pra nós.

Parabéns pra todos aqueles que acreditam que o amor é a coisa mais importante do mundo.
Parabéns também para aqueles que não acreditam tanto na força do amor.

Parabéns para aqueles que correm e vivem seus sonhos.
Parabéns para aqueles também que não tem certeza do quanto querem que seus sonhos virem realidade.

Parabéns para aqueles que nunca temeram dizer o que pensavam, mesmo que tenha pagado um alto preço por isso.
Parabéns para aqueles também que por uma razão ou outra se calaram e deixaram uma palavra decisiva morrer, antes mesmo de existir.

Parabéns para aqueles que seguem sempre adiante. (Como eles conseguem tal proeza?)
Parabéns também para aqueles que preferem ficar parados ou andam a passos de tartaruga.

Parabéns para aqueles que se lembram do que passou e ainda sentem o mesmo calor.
Parabéns também para aqueles tentam esquecer e percebem que todo esforço é em vão.

Parabéns para aqueles que sabem que o mundo é grande e há pessoas que nunca mais irão cruzar
Parabéns também para aqueles que sabem que o mundo é pequeno demais e cedo ou tarde vão se reencontrar.

Parabéns pra mim. Parabéns pra você. Parabéns pra nós.

sexta-feira, 11 de julho de 2008

Capítulo 71

Não queria um namorado pra ganhar presente no dia dos namorados, no meu aniversário, alguém pra me ligar, mandar mensagens fofas, sacanas, carinhosas, apimentadas, me dar chocolate, ser minha companhia no cinema, teatro, festas bacanas e festas ultra chatas que nunca sei como acabo nelas, pra ser meu pão, minha comida e todo amor que houver nesta vida. Neste momento, eu mais que queria um namorado pra uma experiência, sim, descobri um site que há tempos eu procurava, heehe: http://www.makemebabies.com !!! Será que nossos filhos serão lindinhos? Será que esse cara realmente rende um bom fruto?? Tcharãaaaannn, esse site fantástico responde a estas perguntas e muita mais. Genial, né?? Admiro muito esses nerds da internet que inventam umas bobagens assim pra pessoas como eu (solteira) se entusiasmarem com isso e nem ter com quem testar. Será que Angelina Jolie se incomodaria muito se eu usasse o Brad Pitt???

quarta-feira, 9 de julho de 2008

Capítulo 70

Já repararam como as pessoas se escondem no mundo virtual?
Como é muito mais fácil, econômico e cômodo mandar um e-mail, uma mensagem pelo msn, orkut, do que usar o bom e velho telefone? Encontrar alguém pessoalmente então parece tarefa ultra mega difícil.
Juro, nem sou a maior fã de telefone neste mundo (prova disso é meu celular, o mesmo há três anos), mas não é mais agradável falar o que se quer falar e ainda por cima ouvir a voz da pessoa em tempo real?? Pensem bem, o msn é uma porcaria, eu mesma já dei altos foras, a perder de vista.... mensagens trocadas, interpretações equivocadas, problemas na conexão e a espera interminável por uma resposta que não chega nunca e quando vem está longe de ser o que voce queria escutar, ops, ler.
E o e-mail, então?? O que é o e-mail?? Você manda praticamente um livro e uma semana depois ainda não teve resposta alguma. Aí vc não sabe se a pessoa não recebeu, se recebeu e não tem o que dizer ou se simplesmente ignorou.
Não tenho a menor intenção de fazer uma campanha a favor do telefone ou do celular. Se bem que as operadoras adorariam, mas enfim, pra que ficar preso nesses meios de comunicação virtual??
A internet cria uma legião de anônimos, as pessoas se sentem mais a vontade escrevendo um monte de coisas, porque é tudo virtual. Vale lembrar também que o anonimato é o refúgio do covarde.

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Capítulo 69

Por que raios a Nicole Kidman batizou a primeira filha (biológica) de Sunday Rose? Que nominho é esse? "Rosa do Domingo", numa tradução ao pé da letra. A menina nasceu em plena segundona, não seria melhor colocar Monday Rose? Se é pra ser exótico, faria mais sentido, não é mesmo?

Capítulo 68

Adoro minhas conversas com a Lau, sempre rendem boas risadas;

Lau - Vamos fazer alguma coisa semana que vem.

Eu - Não, semana que vem é meu aniversário.

Lau - Legal, liga pra gente

Eu - Não Lau, geralmente são as pessoas que ligam pro aniversariante, pra que eu vou te ligar?

Ana - (muito tempo rindo) - Que fofinhas!!

domingo, 6 de julho de 2008

Capítulo 67

Ele - Vou cantar esta música pra você.

Ela - Não! Não canta. Esta música não.

Ele - Ah, te lembra outra pessoa?

Ela - Hum hum.

Ele - Mas vc não vai lembrar disso pra sempre, né?

Ela - Vou sim.

Ele - Tá, eu canto outra.

Capítulo 66

Sair pra beber quando se tem de acordar cedo pra trabalhar no dia seguinte não é muito legal. Cheguei em casa às 4 da manhã. Tudo bem, ainda restam quatro horas de sono. Mas pra não quebrar a rotina, ao deitar na cama, liguei a tv, aquela zapeada por todos os canais (lá se vão quinze minutos) e descobri que estava passando uma maratona de desenhos do mickey. Há quanto tempo eu não via um desenho do mickey?? Ok, não fazia muito tempo, mas tudo que remete à minha infância tem um carinho especial. Quando percebi já eram 5 da manhã. Nunca, em hipótese alguma eu ficaria bem dormindo só três horas por noite. Imagina, eu preciso de 10, 12 horas, hehehe. Tinha certeza que estaria imprestável no trabalho. Pior, e se eu não acordasse? Tive a brilhante idéia de acionar os dois despertadores do celular. Um às 8h, outro às 8h05, com certeza eu ouviria. Às 9h eu sairia de casa e às 10h já tava no trabalho. Quando voltasse, dormiria até a noite. Pronto, estava tudo planejado da maneira mais perfeita. E é claro que tudo deu errado. Não ouvi nenhum dos alarmes, quando acordei já eram 9h, a hora que eu tinha de sair de casa. Levantar voando. Xixi. Escova dente. Coloca a lente. A roupa vai a mesma de ontem. Cabelo no estado mais lamentável, vai preso. Pegar a bolsa. Milagre. Consegui ficar pronta em nove minutos!!!!!! Uau, tempo recorde. Tá certo, que a custa de um banho, uma cama desarrumada e um quarto que parecia ter sido atingido por um furacão. Mas que consegui chegar a tempo no trabalho, ah, isso eu consegui.

sábado, 5 de julho de 2008

Capítulo 65

Um grupo. Vinte pessoas. Um clássio. Muita responsabilidade. Três dias de apresentação. Três dias que passarm voaram pras duas semanas que antecederam os dias da peça, que foram de muuuuuita tensão. Não sei até agora como ninguém se matou, rssss. Ainda bem que no final de tudo, a surpresa foi positiva. Nada como não criar expectativas. Os três dias podem ser resumidos da seguinte maneira:

1º dia - Estréia - Você está a milhão, não sabe o que sairá, como o público irá reagir, se a luz e o som vão funcionar. Esqueça as "borboletas no estômago", como diria a Aninha, "sinto formigas por todo o meu corpo". Todo final de apresentação de estréia não tem como não sonhar com um final à la Flashdance, onde aparece o cara dos sonhos da mocinha com um buquê de flores e ela corre pros braços dele e as letrinhas vão subindo, rs.



2º dia - A maldição do segundo dia - Quando tudo dá errado. Afinal, já passou a estréia, tudo correu bem e o elenco dá aquela relaxada. Não pode! Nunca relaxe, senão a maldição te pega.
Fico muito feliz em saber que contribui para as coisas não irem não tão bem, hehehhe, repetir duas vezes a mesma fala e esquecer objetos no camarim não é nada legal. Só serve para criar um pânico em cena.

3 º dia - Como assim já é o último dia? Ainda há pouco estava montando o cenário e agora já estamos na última apresentação? A última acredito que seja a que todos entrem com mais tesão. E na minha opinião, foi a melhor também. Fez valer cada minuto dedicado a montagem.

Capítulo 63

Já estava adorando essa moda, dos meus seriados preferidos virarem filme - Sex and the city e um rumor que o próximo seria Friends - quando a Warner Bross negou que tenha a intenção de levar pras telonas meus queridos "amigos". Como assim?? A Warner não tem noção do quanto iria lucrar com isso?? Só eu me disponho a ver o filme uma vez por semana enquanto ele estiver em cartaz, mesmo sem saber o roteiro, tamanha minha devoção. E convenhamos, para quem assiste aos episódios da série desde os 12 anos, sabe as falas dos personagens e ainda ri das piadas como se as ouvisse pela primeira vez, não será nenhum sacrifício. A Warner deveria repensar a idéia. Se precisar, tenho várias sugestões de roteiro, hehehhe. Caso contrário, rogo uma praga sobre todos os estúdios da Warner Bross. (Romeu e Julieta ainda vive em mim, rss)


Nem comentei Sex and the City, né!! Bom, já falaram tanto por aí que nem vejo mais o que falar. Gostei muito do filme, figurinos, locação, ah, New York, New York e principalmente o trocadilho "get carried away" com o nome da personagem de Sarah Jessica-Parker. Tão fofo aquilo... humm.. tô até agora pensando num trocadilho pra fazer com o meu nome. Mas tá tão difícil, que tô pensando seriamente em mudar de nome.